segunda-feira, 23 de agosto de 2010

De volta

Estou ha milenios sem escrever aqui... Desculpem todos os que estavam acompanhando cada passo dessa viagem...! Tenho muita coisa para contar e achei melhor ir postando aqui cada dia, ate chegar ate hoje. Vai dar um pouco de trabalho, mas acho que vale a pena, tem muita coisa legal =)

Comeco entao pelo dia 13 de agosto, quando fui com os pais de Nori para uma cidade chamada Nara, a primeira capital do Japao! A cidade fica a menos 1h de Osaka, pela rodovia (highway). Aqui, as highways sao suuuper seguras (eu fiquei imaginando que tipo de acidente poderia acontecer... mas eu volto a falar disso depois) so que custam os olhos da cara O_o Ai vai uma foto para voces verem a organizacao:

(a foto nao ta tao boa, mas da para ter uma idea... na frente estao o pai e a mae de Nori)

Visitamos primeiro o templo chamado Horyu-ji, que foi fundado em 607 pelo principe Shotoku. Este e o templo mais antigo do Japao e algumas das madeiras que o compoem sobreviveram a terremotos e incendios durante todo este tempo - sao as madeiras mais velhas do mundo! Imagina a energia do lugar!!!

E uma pena que toda a parte de dentro do templo nao pode ser fotografada (apesar de que acho legal isso, como respeito aos que vao para rezar e tal; ja vi igrejas assim tambem no Brasil). Tem um lugar chamado 'Grande Salao dos Tesouros' em que estao guardadas algumas das reliquias mais preciosas e antigas do Japao. Sao estatuas, ceramicas, espadas super antigas 8parentese: por que os monges iam querer espadas? rsrsrs)... Algumas estatuas inclusive trazidas da China (vale lembrar que o budismo chegou ao Japao atraves da China)!!! Foi muito emocionante, os objetos me levaram em um passeio pelas eras do Japao: Nara (710-794); Heian (794-1185); Kamakura (1185-1333)... ate Showa (1926-1989).

nao entendi direito porque tantas estatuas mostravam o tal do principe Shotoku, era como se ele fosse tao importante naquele templo como o principe Sidarta para o budismo indiano... Depois no meu guia descobri que Shotoku e considerado por muitos o "santo padroeiro" do budismo japones: minutos depois de nascer, ele teria levantado e comecado a rezar. Alem disso, Shotoku redigiu a primeira constituicao do Japao (altamente influenciada pelo Confucionismo chines, valorizando a harmonia e o esforco no trabalho), com 17 artigos. Neste Salao dos Tesouros tambem havia um papel muito antigo com esta Constituicao - e uma especie de 'carimbo' para 'imprimir' varias copias dela. Apesar de nao ser a original (seculo VII), era uma copia da era Kamakura, se nao me engano - ou seja, tinha quase 1000 anos!!

Deixo abaixo algumas fotos da area externa do templo com mais alguns comentarios...

Na entrada de todos os templos do Japao (e santuarios tambem), tem este lugar para a pessoa 'se purificar' antes de entrar: lava-se as maos e a boca.

Esta e a entrada do templo Horyu-ji

Um lago antes do templo, com flores de lotus

Uma das construcoes, esta e uma que tem as madeiras mais antigas.





A maioria das estruturas dos templos budistas e feita sem o uso de pregos, apenas por encaixe

Outro lugar para purificar-se

Uma arvore que parece ser muito antiga

Olha esses muros!

Uma das construcoes tem estrutura octogonal e e chamada 'Salao Redondo'

Esta tambem tem uma forma muito bonita!

Depois de visitar este templo, almocamos la por perto, comi udon com tempura e estes bolinhos de arroz cobertos com tofu frito - delicia! Neste restaurante vi que aqui no Japao tambem acontece do garcom esquecer o pedido rsrsrsrsrs (mas, em 90% dos casos, eles trazem tudo direitinho e super rapido!).


Em seguida, fomos visitar outro templo: Yakushi-ji, construido pelo imperador Temmu em 680. Pois e: 1330 anos!!!! Incrivel, para mim e ate dificil de imaginar... A maioria destas construcoes, obviamente, nao suportou mais de 1000 anos de terremoto, vulcao, incendio, tsunami, guerras, bombardeios e todas as outras tragedias naturais e humanas por que passou o Japao neste periodo. Ou seja, grande parte foi reconstruida - mas mesmo as reconstrucoes sao antiquissimas (seculo 13, o Brasil nem existia...). O legal e que neste templo tem uma das pagodas que foi mantida desde 730!!!! Impressionante! Ela foi a unica construcao que sobreviveu a um super incendio que teve neste templo (toda hora eu falo de incendio, mas e porque no Japao antigo eles eram muito comuns, ja que as casas, templos e castelos eram feitos de madeira - eles driblavam os terremotos, mas ficavam sujeitos ao fogo). Deixo algumas fotos abaixo para voces matarem a curiosidade:

Este e um dos 'guardioes' que fica na entrada dos templos budistas (sao dois, o outro tem a boca fechada). Ele e bem assustador para evitar que pessoas mal-intencionadas entrem.

Este e o pagode do ano 730! Nem parece tao velho!

Este fica do lado oposto, e uma reconstrucao, mais recente.

Os outros predios que compoem o templo... Voces nao tem ideia do espaco que ocupa um templo, e enorme (atras destes dois tem muito mais)!!!!




Outro predio octogonal...


Reparem na riqueza dos detalhes!



visitar estes templo me da uma sensacao muito estranha. Nao consigo parar de imaginar como deve ter sido aquele lugar ha 1000 anos... Que tipo de monges moravam ali? Quantos? Como era sua rotina? Que tipo de roupa usavam? Que tipo de comida consumiam? Fico imaginando quantas pessoas ja meditaram naqueles tatamis... Quantos pes ja cruzaram o chao de areia e pedra... Imagina quantos lideres passaram ali para pedir conselhos ou para conseguir aliancas politicas! E quantos fieis rezaram ali... E impressionante pensar nessas coisas.

Depois da visita, passamos, no caminho de volta, por um 'kofun', um dos tumulos gigantescos em que eram enterrados os mais antigos governantes do Japao (entre os anos 300e 600). Sao estruturas imensas, geralmente no formato de fechadura. Muitas vezes eram enterrados junto ao falecido ou falecida tambem um numero significativo de escravos. Eu achava que a 'tumba' era so este espaco cercado, com o 'torii' (este portao xintoista). Depois descobri que era muito mais do que imaginava - vejam as fotos!


O tumulo e na verdade isso!!! Tem o formato de fechadura, mas nao da para pegar toda a dimensao... Imagina construir isso!!! E tipo uma ilha artificial O_o

De volta a Osaka, jantamos tempura! Oishii (= delicioso)!


*Dedico este post a minhas tres queridas budistas: Liu, Rose e Reni =) Lembrei muito de voces neste passeio!

6 comentários:

Gilvan Reis. disse...

mila, estou adorando seus posts. fico realmente impressionado com o Japão e como o país tem uma história tão intensa quanto a do ocidente.

;-D

as fotos tão lindas

lmpramalho disse...

Nossa Mila, não achava que fosse tão lindo! Aproveite bastante e VOLTE

lmpramalho disse...

bjs Lu e Gui

Caroleysen disse...

To amando as fotos !!! Esta superando minha expectativas ! E as observaçoes sao as melhores ! Os olhos de uma jornalista quase arquiteta ! =D

Mari Hirsch disse...

Cami!!! Estou amando a "nossa" viagem! Hehehehe! E fico louca pra provar todas essas comidinhas lindas, coloridas e arrumadinhas! Ain... :)

O seu olhar pras coisas todas é encantador!!

Saudades!

Um beijão! E lembranças pro meu amigo Nori!

Reni :) disse...

oooohhh eu amei!!!!!
eu ia ficar louca nesses templos
babei aqui amiga!!!!!